Banda de Música do CCMB

Élio Leal | Direção Artística

A 15 de fevereiro de 1979 nasce o Círculo de Cultura Musical Bombarralense (CCMB), constituído por um grupo de músicos e antigos executantes que se encontravam dispersos pelo concelho do Bombarral e que formaram uma banda filarmónica.

O CCMB, enquanto instituição cultural sem fins lucrativos e com estatuto de Utilidade Pública, constitui-se como uma referência regional no contributo para o ensino das artes e no reforço da cidadania participativa, contribuindo de forma inequívoca para a criação e fruição de atividades culturais e assumindo um claro complemento à educação individual e de grupo num contexto intergeracional e inclusivo. A associação tem sabido ao longo dos anos diversificar as suas atividades, indo ao encontro dos desejos e das necessidades da população, reunindo no mesmo espaço físico diversas formações instrumentais e corais, uma escola de música e dança, um polo do Conservatório das Caldas da Rainha e ainda um núcleo museológico, o CCMB movimenta semanalmente cerca de 400 famílias.

Ao longo da sua existência, a banda foi dirigida pelos maestros: Manuel Jerónimo, Edmundo Barrela, António Pedro dos Santos, José Manuel Borges Monteiro, João Alberto Menezes dos Santos, Carlos António Moreira Serra, Samuel Filipe Pascoal, José António Santos, Vítor Feitor, Pedro Florindo e atualmente o maestro Élio Anes Leal.

De forma a ir ao encontro das muitas e variadas solicitações que tem na região e um pouco por todo o país, é desenvolvido um trabalho semanal cujo objetivo principal é a constante melhoria da qualidade artística. Com um reportório muito diversificado, a banda apresenta-se em todo o tipo de eventos: concertos, arruadas, festas populares e religiosas, encontros de bandas, concursos, entre outros.

No ano 2000, foi uma das quatro bandas nacionais convidadas a participar nas comemorações dos 500 anos da descoberta do Brasil, tendo atuado na Torre de Belém e no Parque das Nações (Lisboa). Como forma de enriquecimento cultural e social, em outubro de 2004 a banda deslocou-se à ilha de S. Miguel (Açores) a fim de participar nas festividades locais no âmbito de um intercâmbio realizado com a Banda Filarmónica Lira do Rosário. Entre os anos 2004 e 2006, a Banda do CCMB abraçou um dos projetos mais estimulantes e singulares da sua história: a preparação, estreia e gravação da obra “Fantasia de um Fruto Imperfeito”. Uma composição musical, para banda e coro, que deu outra dimensão ao genuíno fruto do Oeste: a Pera Rocha. A iniciativa foi pioneira e triangular, numa parceria entre a Associação Nacional de Produtores de Pera Rocha, o CCMB e a Nsprojects, que resultou na encomenda de uma obra musical original ao compositor Jorge Salgueiro baseada num poema de Amado da Silva. A estreia teve lugar no Hotel Golf Mar (Torres Vedras) em dezembro de 2004, na presença do compositor e do então Ministro da Agricultura, Dr. Carlos Costa Neves. Na passagem do ano 2005 para 2006, a banda participou na Gala Final do programa televisivo “1ª Companhia” da TVI. Somam-se ainda duas participações no prestigiado Concurso de Bandas do Ateneu Artístico Vilafranquense, respetivamente em 2006 e 2014. Em setembro de 2015, realizou um novo intercâmbio desta vez com a Orquestra Volvic Enharmonie (França), concretizando assim a sua primeira internacionalização. No âmbito do seu tradicional concerto de Natal, a banda atuou recentemente com prestigiados nomes do panorama artístico nacional: Sissi Martins, Rúben Madureira e FF (Fernando Fernandes).



A Banda do CCMB conta também com diversos registos discográficos: a sua primeira gravação data de 1986, onde, em colaboração com o Grupo Coral da Rádio Renascença, participou na gravação de um disco intitulado “Música e Canto no Bombarral”. Já em 2003, gravou o seu primeiro álbum intitulado “Antes da Prata” e em 2006 participou na gravação de um CD duplo com o nome “Novos Palcos”. Mais recentemente, em 2019, participou na gravação de mais um CD que envolveu todos os agrupamentos musicais da associação, desta vez no âmbito do 40º Aniversário do CCMB.

A Banda de Música do CCMB conta atualmente com cerca de 58 elementos e desde abril de 2018 tem como seu diretor artístico e maestro titular, Élio Leal.