Sede

altDesde a fundação e durante as primeiras décadas, o CCMB, sem sede própria, utilizou sem quaisquer encargos, uma sala do 1º andar gentilmente cedida pela Junta de Freguesia do Bombarral. Nessa sala, com aproximadamente cerca de 100m2, decorriam periodicamente os ensaios da Banda; do Coro, Coro Infantil; Reuniões da Direcção; Aulas de Solfejo e instrumento; Escola de Música. Serviu ainda para Arquivo de antigo Espólio (desde Fardamento, Repertório e Instrumental) dum todo um Historial de presença em Encontros e Atuações (Troféus; Medalhas e Fotos) das várias valencias do CCMB. Assim durante muito anos, o CCMB esteve limitado em espaço, trabalhando em condições precárias, comprometendo até mesmo, o crescimento organizado desta coletividade. Havia terreno e projeto.. Porém durante 10 anos nunca saiu do papel. A falta de convergência associativo-cultural a nível concelhio em tempo útil, as indefinições no tempo, as sucessivas mudanças de orientação na estratégia de crescimento cultural do país, as prioridades politicas na gestão autárquica, foram adiando a resolução do problema. O marco histórico dos 25 anos do CCMB, veio dar força para resolver este obstáculo, e foi ponto de viragem, traduzindo-se no lançamento da primeira pedra Passado 2 anos, inaugurava-se a nova sede. Novos objetivos se instalaram. Criar uma Banda maior, uma Escola de Música extensível a Instrumentos de Cordas (Guitarra, Guitarra Portuguesa, Violinos, Violoncelos) a Teclas (Piano, Acordeão), criar um Coro Infantil, uma Orquestra Juvenil, uma Academia de Dança aliado à música. Tudo isto e muito mais. A própria melhoria das condições para os ensaios e consequentemente a qualidade artística das várias valências artísticas.

altPassada uma década desde a sua inauguração, o CCMB cresceu muito. A sede passou a ser a Casa da Música do Bombarral. Passou a servir de espaço para o ensino articulado da escola secundaria do Bombarral, como extensão do conservatório de Musica das Caldas da Rainha. Passou a ser uma verdadeira fábrica de cultura e de valores associativos e culturais.